MAIS DO QUE UMA CAMPANHA, UMA CAUSA.

BLOG
PINTURA

AMIGOS PINTORES, VAMOS TORNAR A VIDA MAIS COLORIDA EVITANDO OS RISCOS COM A REDE ELÉTRICA?

01/11/2019 21:32 PM
AMIGOS PINTORES, VAMOS TORNAR A VIDA MAIS COLORIDA EVITANDO OS RISCOS COM A REDE ELÉTRICA?

A pintura deveria ser uma atividade calma, tranquila e sem riscos. Mas o que acontece muitas vezes é que os pintores, amadores ou profissionais, acabam não respeitando certas regras de segurança que são básicas para a sua proteção ou de quem estiver por perto.

Vamos falar sobre alguns exemplos: você vai pintar uma fachada externa. Sobe com cuidado na escada e até está usando equipamentos de proteção – capacete, por exemplo. Na mão, você segura um cabo extensor de pintura, que a princípio é para facilitar a sua vida. Afinal, o extensor é um acessório essencial para pintar muros e paredes muito altos, permitindo que você alcance pontos menos acessíveis.

Agora pare e pense: a maioria dos extensores é feita de materiais metálicos, ou seja, CONDUTORES DE ENERGIA. O extensor pode atingir até 3 metros, o suficiente para alcançar os fios de rede elétrica que normalmente existem perto de fachadas de casas e prédios. Mas é aí que mora o perigo: nem é preciso alcançar os fios, uma simples aproximação já é um grande risco. E aquilo que era pra facilitar a sua vida pode, sim, acabar com ela.

AGORA VAMOS LÁ: AQUI TEM INFORMAÇÕES CLARAS E DIRETAS PRA VOCÊ NUNCA MAIS CORRER RISCOS.

SIM, PRECISAMOS DEIXAR TUDO PRETO NO BRANCO:

- Fique longe da rede de eletricidade quando for pintar fachadas. Longe MESMO. E lembre-se: o extensor já oferece riscos mesmo sem encostar nos fios. Agora imagine encostando. Portanto, quanto mais longe da rede elétrica, mais seguro você está.

- O cabo extensor de pintura tem que ficar bem longe da rede elétrica. Você sabia que, mesmo se não encostar nos fios, ele pode causar choque elétrico?

- O cuidado tem que ser redobrado ao usar qualquer equipamento que tenha partes metálicas.

E, por última, a mais importante: SEGURO, MESMO, É TRABALHAR LONGE DA REDE ELÉTRICA.

JUNTOS PODEMOS CONSTRUIR UM FUTURO SEM ACIDENTES COM REDES ELÉTRICAS.

Obras e construção civil também são situações de risco, se as pessoas envolvidas não souberem se proteger. As principais regras de segurança quem nos dá é o Anderson, que é pedreiro há muitos anos e não se descuida nunca:

- Ao manusear vergalhões e barras de ferro, arames, réguas de alumínio, canos e outros materiais metálicos, tome cuidado para não aproximar nada da rede elétrica.

- Ao construir lajes, preste atenção à rede elétrica em volta da sua obra.

- Construções de 2º e 3º pavimentos têm mais perigo, porque ficam mais próximas da rede de alta tensão.

- Ao construir ou reformar telhados, mantenha sempre uma distância segura da rede elétrica.

- Andaimes devem ser instalados a uma distância segura da rede de eletricidade.

- Peça ajuda para manobrar caminhões com betoneiras, caçambas ou guindastes, para não causar acidentes com a rede elétrica.

“Eu sou pedreiro e sei que barras de ferro ou réguas de alumínio são um perigo se tiver rede elétrica por perto.” - Anderson, Pedreiro e Guardião da Vida.

VEJA TAMBÉM